E-commerce ou loja física: qual é a melhor escolha?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

e-commerce ou loja física

Fazer parte do varejo é uma ótima maneira de abrir o próprio negócio e conquistar bons resultados. Contudo, não há somente uma opção e, atualmente, é comum ficar na dúvida entre e-commerce ou loja física.

Com características muito diferentes, esses elementos devem ser analisados para que seja possível escolher qual é o melhor caminho a seguir. Para te ajudar a solucionar essa questão, apresentamos a escolha ideal.

Quer saber qual é? Então, continue lendo e saiba mais!

Quais são os benefícios de ter um e-commerce?

Um dos maiores aspectos positivos de contar com um e-commerce é que seus clientes poderão consumir quando desejarem. Diferentemente da loja física, que fica aberta em horários específicos, a versão virtual está sempre funcionando.

Isso significa que os consumidores poderão fazer suas compras à noite, logo pela manhã ou até de madrugada. Da mesma forma, terão a possibilidade de comprar nos finais de semana, em feriados e até quando estiverem no metrô a caminho do trabalho, por exemplo.

Isso aumenta a captação e a conversão de oportunidades, favorecendo a ampliação do faturamento e a conquista do crescimento. É uma análise relevante na hora de decidir entre investir em um e-commerce ou loja física.

Além de tudo, é algo que tem a ver com a nova forma de consumo e de comunicação das pessoas. Os clientes estão cada vez mais conectados e garantir que sua marca também esteja gera vendas.

Para melhorar, é muito mais fácil medir os resultados virtuais. Dá para entender exatamente quantas pessoas entraram no seu e-commerce, de onde elas vieram e qual é o seu comportamento, o que ajuda a tomar decisões.

E os benefícios de ter uma loja física?

Ao mesmo tempo, ter uma opção física pode ser igualmente vantajoso. Um dos principais benefícios é que a logística é menos complexa, já que não é necessário entregar os produtos para os clientes.

e-commerce ou loja física

Também é uma forma de aproveitar grandes fluxos físicos de pessoas, além de capturar quem não está nas redes e não gosta ou não confia nas compras online.

Com uma equipe bem treinada, é possível criar experiências de marca inesquecíveis e o atendimento é um caminho importante para conquistar a fidelização. Pelo contato mais próximo, a satisfação pode acontecer de um jeito mais simples do que na loja virtual.

A escolha de um bom ponto ainda ajuda a driblar a concorrência. Como o cliente estará mais distante de outra oferta, poderá fazer a compra na sua loja com maior facilidade.

Entre e-commerce ou loja física, qual escolher?

A resposta para essa pergunta é simples: as duas. Em um mundo que caminha para se tornar cada vez mais digital, há o que é conhecido como omnichannel.

Ou seja, o cliente deseja flutuar nos diversos canais de venda e/ou atendimento e ter uma experiência consistente em todos eles. Assim, não é preciso decidir entre e-commerce ou loja física, sendo viável integrar as duas soluções.

Porém, se for necessário escolher, vale considerar que cada opção é mais indicada para um caso.

Se a sua marca já for muito forte fisicamente e/ou se o público não tiver hábito de consumo online, é melhor focar-se na opção física. O mesmo vale para quando você ainda não tem a capacidade logística demandada pela virtual.

Já o e-commerce é perfeito para quem está começando e não pode ou não quer investir muito. Definindo processos adequadamente e usando o marketing digital, dá para conquistar novas vendas e se consolidar no mercado.

Na dúvida entre e-commerce ou loja física, o ideal é utilizar ambas. Caso não seja possível, é necessário analisar a situação para escolher a opção que melhor se encaixa. Assim, não há uma resposta universal, mas, sim, aquela que é mais indicada para cada quadro.

O que você pensa sobre essas duas escolhas? Conte nos comentários e participe!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×