Facebook Ads ou Google Ads? Qual possui a melhor segmentação para trazer os melhores leads

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Google Ads

Nos últimos anos, o marketing digital se tornou um dos principais meios de divulgação, atração e até retenção de clientes. Apesar de todo o sucesso que estratégias como Facebook Ads e Google Ads vêm fazendo no mercado, o investimento das empresas brasileiras em marketing digital ainda está na fase inicial.

De acordo com estudo realizado pela consultoria McKinsey, em parceria com a Associação Brasileira de Anunciantes (Aba), cerca de 80% das 79 empresas entrevistadas estão ainda em estágios iniciais do marketing digital, sendo que 23% são iniciantes e 57% emergentes.

Se você é empreendedor e quer ampliar os seus investimentos em marketing digital, mas não sabe qual canal possui a melhor segmentação, Facebook Ads ou Google Ads, confira na sequência deste artigo as características dessas estratégias e como elas ajudam a trazer leads qualificados para o seu negócio.

Conheça o Facebook Ads

Para encontrar a estratégia com a melhor segmentação para o seu negócio, focando na geração de leads, é interessante conhecer as funcionalidades e possibilidades oferecidas por cada canal.

O Facebook Ads é uma forte ferramenta de anúncios nas mídias sociais. Isso se dá por conta do alcance da rede. Entre 2017 e 2018, cerca de 223 milhões de novos emails foram cadastrados na plataforma, consolidando 2,23 bilhões de usuários ativos no Facebook desde sua criação em 2004.

Por meio do Facebook Ads, as empresas conseguem criar anúncios utilizando textos e fotos, que podem redirecionar o lead para diferentes ações, como curtir a fanpage, acessar o site, entrar em contato com a companhia ou comprar um produto.

Google Ads

O interessante é que estratégias como Facebook Ads e Google Ads permitem que a companhia faça a segmentação do público que irá visualizar e, consequentemente, interagir com o anúncio. Ao selecionar localização, gênero, interesses e faixa etária, os anúncios da empresa serão direcionados para pessoas com potencial de se tornarem clientes.

Um recurso de segmentação bastante utilizado pelas corporações é o lookalike audiences, ou audiências similares, em português. Por ele, os anunciantes conseguem fazer o upload de informações dos clientes armazenadas em seus sistemas para o Facebook. A rede social aplica filtros combinados com esses dados, ampliando o alcance de um público com perfil similar ao dos consumidores ativos.

Google Ads: link patrocinado que é sucesso mundial

O Google Ads é uma ferramenta de marketing digital bastante experiente, pois foi lançada no ano 2000. O sucesso dos anúncios neste canal cresce ano a ano, graças a popularidade do buscador. Segundo dados divulgados pelo próprio Google, são realizadas cerca de 100 bilhões de buscas todos os meses na plataforma.

Com o Google Ads, os empreendedores podem criar campanhas de anúncios focadas na promoção do site, loja virtual ou blog. Esses anúncios devem descrever brevemente o produto ou serviço, utilizando palavras-chave que os consumidores costumam usar em suas pesquisas no buscador referentes a área de atuação do seu negócio.

Vale destacar que pelo Google Ads o anunciante paga somente quando o seu anúncio recebe o clique de um cliente em potencial. Além disso, a segmentação oferecida pela ferramenta também é eficaz para a atração de leads. É possível segmentar a campanha para as regiões de interesse da marca, gênero, faixa etária, tipo de dispositivo utilizado pelo público, frequência dos anúncios, entre outros.

Tanto o Google Ads quanto o Facebook Ads oferecem bons recursos de segmentação que podem trazer melhores leads para o seu negócio. A dica para escolher a opção mais atrativa para a sua empresa tem a ver com a identificação dos canais mais utilizados pelo seu público-alvo ou, dependendo do plano, vale trabalhar com as duas estratégias.

Para continuar por dentro dos assuntos relacionados ao marketing digital, acompanhe as próximas postagens do nosso blog.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×