O e-mail marketing não morreu: por que você deve investir nele

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Ilustração referente a e-mails marketing

Há quem acredite que o uso de e-mail marketing não compensa mais, diante de tantas novidades na publicidade online. Contudo, é importante lembrar que, assim como várias outras ferramentas digitais, ele também evoluiu.

Por este motivo, ainda é considerado um elemento essencial em qualquer estratégia online, desde que usado da maneira certa. Mas especialmente quando o objetivo estabelecer proximidade com o cliente e fazer crescer a marca.

Quer alguns motivos mais pelos quais vale a pena investir nele? Então continue a leitura deste artigo para descobrir mais sobre o assunto!

O e-mail marketing permite mensuração de forma concreta

Em primeiro lugar, é importante frisar que uma empresa trabalha sempre com foco em resultados. E nada melhor do que uma ferramenta que permita a mensuração deles de forma concreta, certo? Especialmente quando se trata de porcentagens e alcance.

Assim é o e-mail marketing. Com ele, é possível avaliar o desempenho da campanha, a taxa de abertura pelos clientes e também a de cliques. Esses números são importantes para melhorar estratégias e entender o público-alvo.

Fica mais fácil segmentar a audiência

Ao contrário de outros tipos de ações, o e-mail marketing facilita a segmentação da audiência. Ou seja, somente as pessoas certas terão acesso àquele conteúdo, o que confirma o quanto a ferramenta tem resultados efetivos.

e-mail marketing

Essa segmentação envolve localização, sexo, região e até mesmo outros tipos de interação com e-mails previamente enviados. A partir de cada um desses detalhes, a taxa de cliques aumenta, o que pode resultar também no crescimento de vendas, de acessos a site, entre outros.

Seus custos são muito mais em conta

Em geral, as plataformas de e-mail marketing trabalham com mensalidades. Isso acarreta em um gasto mais acessível, proporcional ao número de contatos em sua base e mais adequado para orçamentos menores.

O investimento mensal também dá acesso a várias funcionalidades que otimizam o trabalho. Como, por exemplo, agendamento de envio, resposta automática e editor de templates. Ou seja, o custo-benefício vale muito a pena.

O relacionamento com o cliente se fortalece

O e-mail marketing é considerado com um canal bastante pessoal. Se o consumidor autorizou o recebimento de seus e-mails ao assinar uma newsletter, significa que ele quer saber o que a sua marca tem a dizer.

Deste modo, desde que a empresa se dedique a conteúdos relevantes e materiais inteligentes, o relacionamento entre cliente e empresa se fortalece ainda mais. Assim como o posicionamento da marca, que consegue se impor como autoridade no mercado e como uma empresa que realmente tem interesse em seus clientes.

Como é possível perceber, o e-mail marketing não morreu e ainda é um recurso no qual vale a pena investir. A única providência necessária é traçar uma estratégia que não incomode os clientes: afinal, caso eles comecem a receber uma quantidade excessiva de mensagens ou conteúdos sem relação com a marca, podem decidir se afastar.

Gostou dessas dicas? Se você já se convenceu de que este tipo de ação é válido para seu negócio, aproveite para aprender também 7 dicas para otimizar suas campanhas de e-mail marketing!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×